Tag Archives: Israel

Incidentes entre Israel e Turquia

Aliados durante décadas, Israel e Turquia têm agora uma relação muito complicada, no seguimento do incidente sangrento com o navio Mavi Marmara, no ano passado.

Um artigo do The Aviationist vem agora mostrar até que ponto as relações entre os dois países se tornaram hostis, uma vez que lista vários casos de violação do espaço aéreo turco por aeronaves israelitas, e até situações de confronto potencial entre aviões de combate dos dois países, entre outros episódios.

Mesmo dando algum desconto à veracidade dos relatos, não deixa de impressionar o grau de agressividade que a situação parece ter atingido.

Anúncios

Atentado na Bulgária II

Há mais alguns detalhes sobre o atentado de ontem contra um grupo de turistas israelitas na Bulgária.

O bombista suicida tinha em sua posse uma carta de condução falsa do estado norte-americano do Michigan. Isto é significativo, na medida em que uma das comunidades árabes mais importantes dos Estados Unidos está situada em Dearborn, uma cidade daquele estado.

Os árabes de Dearborn já foram acusados várias vezes de terem ligações terroristas, mas nada de muito substancial foi comprovado. A carta de condução falsa pode ser uma pista legítima, ou apenas uma tentativa de desviar as atenções dos verdadeiros executores do atentado.

Atentado na Bulgária

 

O ataque bombista de hoje contra turistas israelitas na Bulgária é o mais grave de uma série de atentados que têm ocorrido este ano, mas que têm sido pouco notados.  O primeiro-ministro de Israel já veio culpar o Irão pelo ataque, o que pode parecer apressado à primeira vista, não fosse o facto de os serviços de antiterroristas de Tel Aviv andarem a lançar alertas nesse sentido desde, pelo menos, Fevereiro.

Benjamin Netanyahu não parece ser o tipo de chefe de governo que vá aceitar isto sem retaliação. No pior dos casos, este atentado pode ser a desculpa que os “falcões” da coligação governamental (e há-os bem mais radicais do que o primeiro-ministro) precisavam para impor um ataque de larga escala ao Irão. Na perspectiva mais realista, creio que a Mossad vai receber mais algumas “missões especiais” nos próximos meses – ou não andasse ela já tão ocupada por aquelas bandas.

 

Polónio? Outra vez?…

Yasser Arafat e Shimon Peres (1994)
Foto: World Economic Forum

A morte de Yasser Arafat, em 2004, foi estranha – para dizer o mínimo.

Os médicos franceses que trataram o presidente da Autoridade Palestiniana nos seus últimos dias de vida nunca conseguiram perceber muito bem o que o estava a matar. Por isso, logo na altura, começaram a correr rumores de que Arafat teria sido envenenado.

Agora, uma investigação do Instituto de Radiofísica de Lausanne, na Suíça, solicitada pela estação de televisão Aljazeera, indica que o líder palestiniano estaria contaminado com polónio-210, uma substância radioactiva rara.

A confirmar-se, este não é o primeiro caso célebre de envenenamento com polónio. O dissidente russo Alexander Litvinenko morreu em 2006, depois de ter bebido chá que continha a mesma substância. A autoria desse assassínio nunca foi oficialmente apurada, embora tenha sido atribuída aos serviços secretos russos.

A presença de polónio nos dois casos, só por si,  não nos permite fazer uma ligação entre eles, mas a coincidência pode ser relevante.

A viúva de Arafat e a Autoridade Palestiniana dizem que vão ordenar a exumação do corpo, para que sejam feitos novos exames e se apure a verdade. Israel tem sido acusado por muitos palestinianos, e não só, de ter executado o assassínio, mas isso nunca teria sido possível sem a cumplicidade de alguém próximo de Yasser Arafat.

O próprio Hamas o diz,  e até nem seria de todo surpreendente que o envenenamento tivesse sido um assunto estritamente interno. Arafat tinha tantos, ou mais, inimigos dentro da Palestina, como fora dela.

Por tudo isto, o mais certo é que nunca se chegue a saber com exactidão como é que a vida de Yasser Arafat chegou ao fim.