Ucrânia à beira do precipício

Espero estar enganado, mas hoje, em Kiev, é muito provável que haja uma matança.

As últimas notícias indicam que o Governo se prepara para lançar o Exército contra a população. O presidente dos EUA, Barack Obama, apressou-se a avisar que “os militares não devem intervir numa situação que deve ser resolvida por civis”. As pressões internacionais são cada vez mais fortes, mas não parecem ser suficientes para travar a escalada.

Yanukovich não tem espaço de manobra: ele sabe que, agora, só a sua saída da presidência poderá apaziguar os ânimos. Face ao que se passou nos últimos dias, deixar o cargo significaria uma de duas coisas: exílio ou prisão. Perante isto, ele tentará prevalecer pela força – isto se as Forças Armadas o deixarem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: